Vice prefeito abusa do poder perante enfermeiras do PAM em Campos Gerais-MG

Vejam a forma que as enfermeiras são tratadas em Pronto Atendimento Médico em Campos Gerais pelo vice prefeito.

Na tarde desta segunda-feira (16-01- 2017), a equipe de reportagem do Cângerê Notícias esteve no PAM ( Pronto Atendimento Médico) de Campos Gerais a convite da equipe de técnicos de enfermagem para se inteirar do abuso de poder a qual a equipe foi vítima no último sábado (14-01).

Segundo relatos da maior parte da equipe de enfermagem que estava de plantão no último sábado, tudo corria dentro das normalidades até a chegada do vice prefeito João Carlos Coelho. O fluxo no atendimento estava estável e havia pacientes em observação e os técnicos se preparavam para organizar os procedimentos de praxe para troca de turno.

Por volta das 17:30 horas, o vice prefeito João Carlos chegou na unidade de atendimento médico e foi irônico com uma das técnicas que estava ocupada fazendo uma troca de soro, em alto e bom som foi inoportuno dizendo que o PAM estava do jeito que os funcionários gostam, simplesmente por ter poucas pessoas na sala de espera.

Sem saber o propósito da atual visita, e pelo tom de deboche a funcionária explicou que a mesma estava em função dos pacientes que estavam na observação e cumpria com suas atividades de rotina.

Mas o vice prefeito foi a destratando e disse a outra pessoa que o acompanhava que a mesma deveria estar a trabalho no CAPS (Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas), pela forma que a mesma respondeu as críticas de ironia dele.

João Carlos ainda se dirigiu a coordenação e  foi mais evasivo em suas provocações irônicas de tal forma a dizer que o PAM não necessita dos serviços dos técnicos de enfermagem e que se as mesmas não estavam satisfeitas que procurassem outro tipo  de serviço. Tudo isso por conta das reivindicações que as mesmas já vem fazendo a algum tempo.

Vale ressaltar que a equipe de enfermagem que nos procurou são efetivos, passaram por processo de aprovação em concurso público e estão designados para ocuparem a função a qual lhes competem.

Os funcionários reivindicam aumento de seus salários, pois os mesmos trabalham com carga horária diferenciada de 12 horas de trabalho por 36 horas de descanso, as horas extras não são remuneradas e também não são contabilizadas as horas extras em bancos de horas para que possam ao menos tirar suas folgas em dias futuros.

Ainda relataram que a exatamente 1 semana atrás, uma técnica de enfermagem foi agredida fisicamente com duas pauladas e o médico que estava de plantão Dr. Aladir que viu a gravidade da situação a atendeu e autorizou sua dispensa por estar com fortes ferimentos. Diante desse fato os funcionários elaboraram um abaixo-assinado pedindo segurança no PAM que foi encaminhado para o executivo municipal, mas até o momento não obtiveram êxito.

A Dra. Monique Rocha que estava no plantão ainda afirma que está totalmente sensibilizada ao caso e que os médicos dão total apoio a equipe de enfermagem perante esse desrespeito com a classe, pois as mesmas realizam os procedimentos com muita experiência e competência. Nesse mesmo instante a Dra. Monique, nos deixou para atender duas gestantes em caráter de urgência, queixa das pacientes em trabalho de parto, pois a maternidade contínua sem obstetra e os obstetras que temos na cidade são particulares.

Quatro funcionários transtornados psicologicamente com esse desrespeito do vice-prefeito, registraram B.O (BOLETIM DE OCORRÊNCIA) no Batalhão da Polícia Militar de Campos Gerais e esperam que o caso seja averiguado conforme determina a justiça.

Fica a disposição do vice prefeito João Carlos Coelho o direito de resposta, concedemos em nosso Portal para se manifestar caso considere oportuno.

O Portal Cangerê Notícias completa seu 1ºano de existência

Garota Mineira vem brilhando de Campo do Meio-MG

Fiquem Atentos! Alerta para o comércio em geral

Sobre Roseli Lima 200 Artigos
Graduada em Pedagogia, dedicada no jornalismo, amante das ações sociais, leva a família e o trabalho como duas paixões distintas, porém necessária para equilíbrio pessoal. Enfim Jornalista de coração para uma nação.

1 Comentário em Vice prefeito abusa do poder perante enfermeiras do PAM em Campos Gerais-MG

  1. UMA POUCA VERGONHA COM O POVO AKI NO CORREGO DO OURO O MEDICO TA DE FERIAS SE FOR PRA MORRE MORRERA AKI E FODA PREDIZA DE MUITA COISA PRA MELHORA

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será divulgado.


*